Como o Facebook pode alavancar (ou destruir) o seu e-commerce?

Mesmo com alguns usuários deixando a rede, o Facebook ainda figura como uma das maiores redes sociais do mundo e, bem como o Google, quer, sim, dominar o mundo. A rede ainda é grande o suficiente para se equivaler à população do 3º maior país do mundo e seu faturamento é muito maior que de muitos países. Diante do crescimento do Facebook, diversas empresas passaram a criar páginas para marcar presença e angariar- e fidelizar! – ainda mais consumidores e clientes. Afinal, é o relacionamento que gera vendas.

Se um possível cliente ainda não confia em sua loja virtual pela mesma ser estrangeira e ainda não possuir grande representatividade em solo brasileiro, uma alternativa que funciona bastante é, de fato, se inserir no Facebook e, a partir desse relacionamento, pensar em vender sua ideia ou produto, interagindo com seu público, respondendo dúvidas e fazendo da página um canal direto entre você e quem precisa do serviço que você presta.

O fato é que quando um cliente se relaciona com uma marca, é porque a ama e confia na mesma. E é exatamente confiança, identificação e um bom relacionamento que as pessoas que buscam no Facebook. Redes sociais nada mais são que agrupamentos de pessoas por interesses comuns.

Quando uma empresa opta por ser atuante no Facebook, com publicações interessantes, não se tratando tão-somente do que se está desejando vender, mas com notícias atuais e que correspondam ao valores da empresa e à identidade do público-alvo, as vendas subirão e, com mais pessoas confiando e curtindo sua página no Facebook, mais chances você terá de conquistar novos compradores e curtidores fieis.

E você, já possui sua página no Facebook? Esta é uma das facilidades e vantagens que você pode oferecer ao seu cliente brasileiro. Outra, sem dúvidas, é a opção de pagar economizando – e muito! – com Boleto Bancário EBANX.

Fonte: Click Web 

41% dos domicílios brasileiros têm internet

Um estudo divulgado na última quinta-feira, dia 13, pelo Ipea (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada) alega que 40,8% dos domicílios brasileiros têm acesso à internet – o valor não considera a conexão via smartphone dos moradores. O alcance é maior no Sudeste (51,5%), seguido por Sul (42,9%), Centro-Oeste (40,7%), Nordeste (29,2%) e Norte (20,7%).

Essa edição da pesquisa domiciliar Sips (Sistema de Indicadores de Percepção Social) foi realizada em 3.809 domicílios de 212 municípios, durante junho de 2013. A margem geral de erro é de 1,34%, e a distribuição de respondentes por região reflete a proporcionalidade nacional.

Em todo o país, a forma mais comum de acesso residencial é a internet banda larga via estrutura de TV a cabo (32,8%). Na sequência aparecem conexões via linha telefônica (23%), modem de telefonia móvel (18,3%), satélite (10,6%), rádio (10,2%), linha discada (1,5%) e outros (3,6%).

Tipo de acesso à internet no Brasil e em regiões específicas | Reprodução/Ipea

 

Mais da metade dos entrevistados (55,2%) paga mensalmente entre R$ 31 e R$ 70 pelo acesso. Cerca de 12,8% investem até R$ 30; 10,3% desembolsam de R$ 71 a R$ 100; 3,9% pagam de R$ 101 a R$ 150 e apenas 0,9% dos respondentes gastam mais de R$ 150.

Entre os respondentes, 69,1% têm uma percepção positiva do serviço de internet residencial. Na divisão por tipo de acesso, a TV a cabo teve a melhor avaliação (78,4% positiva), enquanto o acesso via modem de telefonia móvel teve a pior (positivo para 60,9%).  Em 38,1% das residências pesquisadas, ao menos uma pessoa acessa a internet usando o celular.

“A percepção da qualidade dos serviços de telefonia móvel aparentemente não está alinhada com os relatos de reclamações nos institutos de defesa do consumidor. A avaliação de serviços de telefonia móvel é positiva [para 65,5% dos respondentes]“, aduz o relatório.

Via UOL.

100 ou 50 dólares? Descubra o limite para isenção de impostos sobre importação

Ultimamente tem circulado pela internet a notícia de que compras até cem dólares não podem ser taxadas. Será que esta informação é verídica? Para quem é lojista e para quem é consumidor, o post de hoje irá esclarecer esta e outras dúvidas sobre o comércio eletrônico.
Sobre o limite de valor para o produto ser isento de impostos. Em 3 de setembro de 1980, o Decreto Lei nº. 1.804 – com o acréscimo do art. 93 da Lei nº. 8.383, de 30 de dezembro de 1991 –  passou a prever que produtos remetidos somente a pessoas físicas seriam isentos de impostos contanto que não ultrapassassem o valor de cem dólares (ou o valor equivalente em outra moeda, como Euro, por exemplo).  Porém, segundo o site da Receita Federal, a Portaria MF 156/99 e a Instrução Normatira SRF 096/99 asseguram que serão isentos de impostos os produtos recebidos por pessoas físicas desde que não ultrapassem a quantia de cinquenta dólares.
Diante dessas alegações a respeito do consumidor amparado tão-somente como pessoa física, ainda há outra dúvida: faz diferença se o vendedor for pessoa física ou jurídica? Vamos ao seguinte quadro:

Mas, enfim, o limite é 50 ou 100 dólares?
Embora poucos consumidores entrem, de fato, com algum processo judicial acerca da taxa cobrada pela importação, as sentenças e decisões sobre o tema têm entendido que o limite é, de fato, 100 dólares. Ocorre que, para a Fazenda Nacional – por meio dos Correios – o limite é de 50 dólares e, apenas se o remetente E o destinatário forem pessoas físicas, ou seja, alguém que viva no exterior e deseje presentear outrem que more no Brasil terá como limite 50 dólares para gastar com o presente. Logo, apesar do valor máximo ser 100 dólares, compras acima de 50 dólares provavelmente serão barradas e tributadas.
Contudo, ainda há casos de produtos abaixo de 50 dólares serem tributados, como outros que ultrapassam os 100 dólares chegarem ao destinatário sem tributação. Se seu produtos for tributado indevidamenteprodutos até 100 dólares, desde que comprador e destinatário sejam pessoa física -, é possível fazer processo administrativo ou ação judicial em busca do ressarcimento do valor.
Algumas restrições de produtos que não são taxados. De acordo com o art. 150 , VI, “d” da Constituição Federal, medicamentos, desde que transportados pelo serviço postal e destinados à pessoa física com receita em mãos para a retirada do medicamento no Brasil, além de livros, jornais e periódicos impressos em papel não podem sofrer tributação.

Conheça nossos Mercahs: Sammy Dress

O Merchan de hoje é a loja Sammy Dress for Less, cuja missão é oferecer aos consumidores os últimos e incríveis lançamentos da moda a preços baixos. Mais de 200 mil roupas com design renomado custando de 70% a 90% a menos que os preços de lojas físicas de varejo.

São sapatos, bolsas, jóias e acessórios para mulheres, homens e crianças que buscam qualidade e preço baixíssimo sempre dentro das últimas tendências. Diariamente, novas peças, que são enviadas a todo o mundo e, no Brasil, podem ser pagas com Boleto Bancário Ebanx!

Conheça o site SammyDress e aproveite um mundo de novidades fresquinhas para morar em seu guarda-roupa!

 

Roupas da China: um vício brasileiro

Comprar roupas da China tem sido cada vez mais comum no Brasil. Sites como Mini In The Box e Light In The Box fazem sucesso entre os consumidores, pois trazem roupas por um preço incrível e com design diferenciado e repleto de estilo. Se a procura é por aquele vestido que apareceu num site gringo de Street Style ou se a busca é por algum acessório visto no último desfile da Paris Fashion Week, o segredo é correr aos sites e fazer um negócio da China! ;-)

Home do site Light in the Box: produtos incríveis e preços baixos

A insegurança dos consumidores em adquirir uma roupa pela internet já foi muito maior. Problemas com o tamanho ou a qualidade do material da peça são fatores que levam à desistência da compra. No entanto, sites e blogs brasileiros, criados por gente daqui, servem como fórum e portal de ajuda a quem ainda tem medo ou dúvidas com relação a realizar e finalizar seu pedido.

Um blog que ganhou bastante reconhecimento e hoje é visitado por milhares de leitores é o Troquei na China. Criado por Amanda Santiago, uma curitibana de 28 anos, o site é repleto de dicas de como fazer compras boas e baratas, além de resenhas de como proceder para efetuar o pagamento, listas de bons sites e novidades que vira-e-mexe surgem no mercado on-line.

A dona do site trocou todo seu guarda-roupa por peças chinesas e reitera que há roupas de excelente qualidade por preços inacreditáveis. Este trecho da descrição da autora explica bem o porquê de valer tanto a pena comprar na China:

“Faz tempo que muitas coisas que compramos aqui no Brasil são feitas na China, desde tênis de marcas famosas, máquinas de waffle, celulares e, talvez você não saiba, mas roupas também! Acontece que no Brasil são colocas as etiquetas das marcas daqui e uns impostos e lucros a mais, o que faz com que os preços não fiquem tão interessantes.  Então porque não comprar direto da fonte?”

Uma constatação inteligente que se torna ainda mais convincente ao saber que as taxas sobre produtos importados reduzem ainda mais quando as compras são pagas com Boleto Bancário EBANX.

Conheça as lojas de suplementos parceiras – e veja quais produtos foram proibidos no Brasil

A busca pelo corpo perfeito faz com que o brasileiro gaste cada vez mais dinheiro com suplementos alimentares. De acordo com a Associação Brasileira de Produtos Nutricionais, em 2012 o consumo no Brasil aumentou 23%, alcançando a incrível marca de R$450 mi.

Com academias cada vez mais lotadas e a consciência de que um corpo com baixo índice de gordura e músculos definidos também é sinônimo de saúde, o mercado deslumbrou-se com a quantidade de consumidores em busca de um auxílio na dieta para chegar mais rápido ao corpo ideal. Para os atletas, o ônus fica por conta dos gastos, pois ainda são altos os impostos cobrados nos produtos estrangeiros nas lojas nacionais.

Para aquecer o mercado consumidor com preços mais baixos e produtos de altíssima qualidade, sites internacionais tornaram-se parceiros do EBANX na venda de suplementos. A entrega eficiente e a facilidade do Boleto Bancário têm feito destas lojas on-line cada vez mais reconhecidas e procuradas.

Conheça hoje alguns destes merchans que são parceiros EBANX.

Jacaré Suplementos

Suplementos 24h

Corpo da Hora

É importante, antes de adquirir seu produto para manter a boa forma, consultar um endocrinologista ou um nutricionista, que receitará o suplemento ideal ao treino e objetivo específico de cada atleta. São vitaminas, substâncias para acelerar a queima de gordura e aumentar a disposição durante os exercícios físicos, mas é preciso cuidado. Diante do consumo exagerado e muitas vezes desnecessário destes produtos, a ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) proibiu, nesta última segunda-feira (17), a venda de quatro suplementos altamente comercializados no Brasil.

Dos suplementos alimentares proibidos, três deles são à base de proteína: Probolic, Isofast e Carnivor. Eles têm na composição ingredientes que não são aceitos ou que a quantidade excede o previsto na legislação brasileira, apesar de estarem liberados em outros países. Também não pode mais ser comercializado o Alert, que acelera o metabolismo em doses maiores que a recomendada.

Conheça mais Merchans parceiros EBANX

No post de hoje, trazemos mais alguns parceiros que oferecem a modalidade Boleto Bancário EBANX em seus serviços prestados. De cosméticos desejados a orçamentos de reformas e construções: a gente que facilitar a sua vida – e a forma como você paga tudo de que precisa! Conheça:

Habitíssimo. O site traz um serviço inédito no Brasil a quem deseja reformar, construir ou instalar algo e não sabe quanto vai custar todo o trabalho. Profissionais especializados se inscrevem no site e, diante de sua localização física, são escolhidos para orçar o serviço prestado ao consumidor interessado. Uma novidade que traz praticidade ao cliente que precisa de rapidez e preço baixo!

RA Shop. A loja é uma empresa americana, do vlogueiro Carlinhos do Canal Realidade Americana. Ela intermedeia suas compras nos Estados Unidos, comprando produtos nos Estados Unidos e enviando a todo o Brasil. Com a confiança de mais de 3 anos de história e clientes satisfeitos pelo serviço de qualidade.

Light in the Box. A proposta inovadora aliada à entrega garantida dão credibilidade de sobra ao site Light in the Box. Com milhares de produtos à venda, dos mais inusitados aos must-have do momento, a loja promete preço baixo e qualidade em cada compra realizada.

Forza Games. Uma das maiores lojas de vendas de jogos do Brasil, a Forza Games traz novidades e relíquias aos amantes dos games. Lembrando que você pode se divertir no site jogando jogos incríveis gratuitamente.

ÜNT. A marca de cosméticos ganhou fama no mundo, conquistando seguidoras por oferecer produtos de qualidade a preço baixo. O melhor de tudo? O frete é grátis para o mundo inteiro e  constantemente há promoções imperdíveis para todos os gostos.

Conheça nossos Merchans – Parte 1

Comprar com boleto bancário é uma facilidade que o brasileiro cada vez mais tem valorizado ao navegar por lojas on-line internacionais. Sites reconhecidos no mundo todo se tornaram adeptos desta modalidade de pagamento via boleto bancário EBANX.

Conheça hoje 5 Merchans que oferecem boleto bancário EBANX:

Ali Express: O site chinês possui uma infinidade de produtos, para todos os gostos e bolsos. O site funciona como um Mercado Livre ou eBay, em que vários vendedores vendem seus produtos, os quais você adquire num só carrinho. De cama, mesa e banho, até produtos tecnológicos e automobilísticos, vale a pena conhecer e desbravar o site!

DealeXtreme (DX): A empresa também chinesa possui sede em Hong Kong. Oferecendo produtos por preços atraentes, o site atrai milhares de brasileiros que buscam gastar pouco e adquirir novidades que, muitas vezes, nem chegaram ao Brasil. O prazo de entrega é demorado, pelos produtos estarem sujeitos a diversos atrasos e contratempos pela postagem internacional. No entanto, ainda assim vale a pena, pois o frete é grátis!

TinyDeal: Um dos líderes do mercado chinês, o site oferece mais de 50 mil produtos elaborados e pensados no consumidor mundial. Qualidade e experiência são adjetivos atribuídos ao TinyDeal, que é um dos sites mais antigos do nicho.

Cosme-de: Oferecendo uma enorme variedade de cosméticos, o site possui preços competitivos e produtos bastante exclusivos que, muitas vezes, são difíceis de encontrar no Brasil, por exemplo. Ponto positivo para as frequentes campanhas promocionais, válidas para quem gosta mesmo de economizar. O frete é grátis independentemente do local de entrega e seu pedido pode ser totalmente restituído num prazo de 30 dias em caso de devolução, sem custo adicional.

Strawberry Net O queridinho das fashionistas e dos amantes dos perfumes, o famoso Morangão é repleto de promoções e novidades em cosméticos e itens de perfumaria. Uma infinidade de produtos com frete grátis fazem do site um ambiente seguro com entrega garantida e, o melhor, frete grátis!

O que é Boleto Bancário?

Fala-se tanto em pagamento via cartão de crédito que muita gente se esquece de que, com o EBANX, é possível efetuar o pagamento de suas compras na internet por Boleto Bancário. Mas… O que é Boleto Bancário?

Boleto Bancário é uma ficha de compensação, ou seja, após a compra, é emitido este documento que contém diversas informações para realizar o pagamento do que você deseja adquirir.

Largamente utilizado no Brasil como intrumento de pagamento por um produto ou serviço prestado, é por meio do boleto que o emissor pode receber do pagador o valor da compra. Muito comum, a utilização de Boletos Bancários por empresas é tão grande que, em média, são liquidados 50 milhões de boletos de cobrança por mês no país.

Um Boleto Bancário possui os seguintes elementos:

Banco. Instituição financeira que, por contrato firmado com o cedente, fica responsável pela cobrança. O banco receberá o pagamento correspondente à compra e creditará na conta bancária do cedente.

Cedente. Quem emite a cobrança, ou seja, você lojista que irá receber a quantia cobrada.

Sacado. O cliente, ou seja, quem efetua o pagamento do boleto.

Valor do documento. Valor que deverá ser pago pelo sacado antes do vencimento registrado no documento.

Data de vencimento. Data-limite para o pagamento do título.

Código de barras. Exemplo: 984700000000571003281023630108092004172920003. É a representação gráfica dos dados do boleto, possuindo 44 caracteres que serão lidos por um scanner. Normalmente os boletos possuem esta representação gráfica codificada no padrão Intercalado 2 de 5.

O documento é simples e o brasileiro está acostumado a manuseá-lo para efetuar suas compras. Apostar nesta modalidade de pagamento é garantir praticidade, segurança e um preço mais baixo ao consumidor, que, cada vez mais, enxerga as vantagens do boleto bancário e deixa de lado seus cartões para compras internacionais.

Por que oferecer boleto bancário como forma de pagamento?

Em relatório divulgado pela Abecs (Associação Brasileira de Cartões de Crédito e Serviços) em 2013, o número de brasileiros com cartão de crédito alcançou a marca de 72,4%, quase 5% a mais com relação a 2008. Ou seja, a tecnologia se faz cada vez mais presente no cotidiano do brasileiro e os benefícios da vida on-line têm conquistado gente de todas as idades.

No entanto, as agências bancárias oferecem, a princípio, a tarjeta para uso estritamente nacional, fazendo com que a quantidade de usuários de cartão internacional ainda seja bastante pequena. Somado a este número, ainda há quem mantenha o receio em fazer suas compras pela internet, seja por ter sido vítima de clonagem do cartão, seja por não possuir cartão de crédito internacional, seja por ter efetuado uma compra e receber um produto com qualidade inferior ao anunciado. Destes contras, atualmente há uma parcela significativa de consumidores ainda traumatizada, embora com muita vontade de poder comprar pela rede com segurança e eficácia.

O desafio então se dá em facilitar a relação entre usuário e prestador de serviço, gerando vantagens que vão além da segurança e praticidade, alcançando benefícios no que tange, inclusive, ao preço final da compra. A solução encontrada veio do EbanxBR, que oferece a modalidade Boleto Bancário como forma de pagamento a lojas internacionais.

Mais clientes, mais vendas. Ao inserir o boleto bancário como forma de pagamento, uma parcela significativa da população, principalmente das classes C e D, cada vez mais emergentes no cenário sócio-econômico brasileiro, passa a fazer parte do rol de potenciais clientes.

Quem compra no boleto paga menos. Desde o final de 2013, o governo brasileiro aumentou a taxa para pagamentos de compras internacionais via cartão. Agora, tanto nas transações por cartão de débito, quanto de crédito, é instituído o IOF (Imposto sobre Operações Financeiras) no valor de 6,38% sobre cada compra efetuada. No boleto, entretanto, esta taxa é de somente por operação realizada e corresponde ao valor de 0,38% sobre a compra.

Sem fraudes. Uma pesquisa realizada em 2012 pela ACI Worldwide, empresa que produz sistemas de prevenção à lavagem de dinheiro e fraude bancária, aduz que 33% dos consumidores brasileiros foram vítimas de clonagens de cartão e de crédito e débito nos últimos cinco anos. A mesma pesquisa coloca o país em 7º lugar no ranking feito pela empresa, que levantou os dados em mais 16 países. Analisando somente as fraudes com cartões de crédito, o Brasil sobe para a 5ª posição no número de consumidores prejudicados com as fraudes. De outra sorte, efetuar o pagamento de uma compra via boleto bancário, deixando o cartão de crédito na gaveta, traz segurança e menos dor de cabeça aos brasileiros ao finalizar sua compra – além de conceder ainda mais credibilidade ao lojista.